Mesmo com dois pedidos de vista, Nesta manhã (4) Câmara cassa o mandato da prefeita de Gov. Newton Bello




















Numa sessão bastante conturbada da Câmara de Governador Newton Bello, os vereadores cassaram o mandato da prefeita Leula Pereira Brandão (PRTB), na manhã desta sexta-feira (4). Dos 9 vereadores, 6 votaram favoráveis ao relatório final da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) instaurada há cerca de 2 meses e decretaram a perda do mandato da gestora.
Mesmo diante dos pedidos de vistas do vereador Carlos Sucesso e da vereadora Eliene Fernandes, ambos negados pelos demais vereadores, o processo de cassação deu continuidade levando a perda do mandato da prefeita.

de236bc4-fecb-4b47-a487-3261fcbdbe7c
Presidente da Câmara Maria Dulce empossando o vice-prefeito Barrosinho
71827311-5d37-4495-907f-e758c1a133d8 

Ainda durante a sessão, o vereador Carlos Sucesso fez várias indagações sobre o processo, no qual o relator da comissão se negou em responder e mostrar documentos, além de provas requeridas pelo parlamentar.
O parlamentar indagou o relatou da comissão processante sobre as irregularidades do processo, pois segundo Carlos Sucesso a comissão deve fazer um parecer sobre o prosseguimento ou arquivamento da denúncia e cobrou a ata onde foi realizada tal votação, como determina o artigo 5º, inciso terceiro do decreto Lei 201/67.
Carlos Sucesso perguntou ainda se a comissão notificou pessoalmente a gestora e o advogado de defesa de todos os atos do processo; e cobrou as notificações comunicando o prosseguimento da denúncia.
Mesmo diante da negação do relator de responder e mostrar as provas das indagações, o vereador Carlos Sucesso ainda perguntou quais foram as diligências requeridas pela prefeita na defesa prévia e se elas foram realizadas.
 A sessão foi acompanhada por dezenas de moradores que lotaram a plenária da Câmara. Votaram pela cassação conforme o relatório final da CPI, os vereadores Antonio da Birolândia, Maria Revi, Antonio Totó, Marcelo, Rosa Lúcia e a presidente do Legislativo Maria Dulce. O vereador Neto do Nélio votou contra e os vereadores Carlos Sucesso e Eliene Fernandes pediram vista, o que foi negado.
Após a cassação de Leula Brandão, a presidente da Câmara Maria Dulce empossou o vice-prefeito Barrosinho. 

Fonte: www.mayconalves.com.br 

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Topo