Transmissor da rádio Alvorada é incendiado por vândalos pela segunda vez na cidade de Zé Doca

Os transmissores da rádio Alvorada AM, da cidade de Zé Doca, foi mais uma vez vítima de sabotagem na madrugada deste sábado, 08/07. 8 elementos em quatro motos, (uma Pop e 3 Broz) com armas de fogo renderam o segurança avisando-o para que não reagisse pois iriam tocar fogo no transmissor.  e pela manhã depois de uma rápida vistoria, apurou-se o prejuízo decorrente do vandalismo. tomadas, cabos e fios e vários outros objetos estavam destruídos pelo incêndio, que chegou a chamuscar os transmissores.
Policiais estiveram no local, realizaram buscas por pistas, A ocorrência foi registrada e encaminhada ao delegado. que vai determinar a abertura de inquérito para descobrir quem foi o autor da sabotagem.

Os policiais que estiveram no local acreditam que alguém que mora ou trabalha nas proximidades pode ter visto os criminosos. O diretor da emissora, Constantino Neto, esteve no local para acompanhar de perto o levantamento do prejuízo e tomar as providências mais urgentes, disse que a emissora não tem seguro dos equipamentos destruídos pelo incêndio criminoso.
Não é a primeira vez que a Radio Alvorada é alvo de criminosos. a menos de dois anos a emissora teve a porta cortada por vândalos  e na ocasião os criminosos atearam fogo no transmissor, quase destruindo-os por completo. Em virtude disso, a emissora ficou fora do ar por alguns dias o que causou grande prejuízo.
Sabotagem em emissoras de rádio no brasil virou coisa comum até hoje a polícia não conseguiu descobrir os autores do 1° do atentado.
Sobre a reintegração:
Todas as providências cabíveis e dentro do que a lei exigia foram tomadas .
1- Reintegração de posse concedida pela justiça de Zé Doca.
2- Autorização para cumprimento da força policial autorizada pela Secretaria de Segurança Pública
3-Secretaria de Direitos Humanos, OAB, Ministério publico
4- Autorização do próprio governador cumprindo a portaria baixada pelo Dr Flavio Dino.

"Após a reintegração pacifica, comentários e ameaças  davam conta que a emissora não voltaria no ar antes que a Rádio voltasse ao ar nesta manhã houve o segundo incêndio. Pedimos desculpas a toda população de Zé Doca e região, iremos tomar todas as medidas possíveis na justiça para que essas pessoas paguem na justiça conforme a lei federal 7170 artigo 35 e por formação de quadrilha e por perdas e danos por todo mal que causaram não só á Radio Alvorada mas para toda uma população que tenho certeza também está indignada com a atitude criminosa contra esta emissora que é o orgulho do povo de Zé Doca e toda região. 
Peço desculpas aos nossos ouvintes, creio que Deus é Fiel e não faltará com sua justiça"
Disse Constantino Neto.

O diretor da rádio conta que o transmissor já foi alvo de dois incêndios. Segundo a polícia, as motivações ainda serão investigadas.




Nenhum comentário :

Postar um comentário

Topo