Vereador de Zé Doca, dá chilique por que imprensa o criticou e chama o Jornalista Naã Ramos e a REDE TV de Marrom


O vereador de primeiro mandato, Conhecido como o roda raiada, na reunião da Câmara, do dia 31 (sexta-feira), logo após, digamos, seu pronunciamento, E mais uma vez, a exemplo de quase todas suas participações, na opinião de terceiros, não falou coisa com coisa, foi novamente sem nexo em uma acusação à imprensa - Não sabemos por que razão, ele sempre parte do pressuposto que todos entendem o que ele está falando, por isso não se dá ao trabalho de ser explicativo. Ele não junta as frases e os textos, com início, mas sem meio e fim. Como já dissemos outras vezes, ele abre um parênteses, quando está falando sobre um assunto, e esquece de fechá-lo e voltar para o que estava falando anteriormente, tem-se a impressão que possa existir alguma anormalidade, talvez pelo ambiente de tensão, que faz com que o edil tenha dificuldades em organizar os pensamentos de forma lógica e depois conseguir verbaliza-los de forma coerente - A dúvida que fica para algumas pessoas que acompanham a Câmara e mesmo no plenário, é se no dia seguinte, ou talvez, algumas horas depois que passar o efeito da “adrenalina” com que o vereador vai à tribuna, e imprime um forte ritmo ao seu discurso, se ele lembra do que falou – E na sua fala de ontem, cobrou unanimidade do Jornalistas Naã Ramos e o chamou de imprensa marrom, o mesmo da REDE TV, já que um elogiou e outro o criticou,( TV da situação) e indiretamente, sem se referir ao site do mesmo, também o desancou. O neótito edil gostaria de ser unanimidade somente com elogios, e esquece que o homem público, tal qual ele, são suscetíveis a muitas criticas. Vamos para uma melhor analise dos leitores, do que estamos falando. Do seu "estilo" de se pronunciar.

O roda raiada foi mais fundo e crítico, com o jornalista Naã Ramos, chamando-o de imprensa MARROM, por que ele foi criticado quando anteriormente teria sido elogiado por outro Jornalista. 

No entendimento do edil, um meio de comunicação tem que escolher, ou critica, ou elogia, na sua análise intelectual, não pode fazer as duas coisas. Um critica e outro elogia. 

E por essa razão, ele afirmou que por retaliação, Para completar, o homem público em sua irascível ira em ser criticado. Durante a sessão, quando percebeu que o Jornalista Naã Ramos o fotografava, fez posse de irreverência diante da lente da câmera fotográfica.

Calma vereador roda raiada: A emissora REDE TV e o Jornalista Naã Ramos, assim como os senhores que servem/deveriam servir para fiscalizar problemas como este, também é importante no sistema democrático brasileiro que vivemos, pois tem a função de informar, denunciar e fomentar sobre estes acontecimentos, que infelizmente o senhor parece "desconhecer", sabe lá o por quê! Talvez, "por não "ter"... e "terem" que "ter" pra dar".

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Topo