Em dia inspirado, Radialista da Rádio Alvorada esqueceu da verdade por trás dos milhões da TV 22 em Zé Doca

Veja o Contrato da prefeitura de Zé Doca com a empresa

No ultimo sábado 06/01/2018 em seu programa de todos os sábados chamado de messa redonda, o radialista costa neto disse em bom e alto som que é inverdade matéria que o Jornalista Naã Ramos fez sobre o contrato que a prefeitura paga a TV 22 em Zé Doca. mensagem essa recebida pelo radialista ao vivo o mesmo ficou sem saber o que falar, e respondeu dizendo que é inverdades tal matéria, o mesmo sem saber da matéria quis a todo custo defender o indefensável,  pois o assunto era sobre a mudança do nome da rua Getúlio vargas para rua Santana. já o contrato que a TV 22 tem com a prefeitura de Zé doca, chega anualmente aos cofres públicos mais de (um milhão e duzentos mil reais). E como sei que não poderei me defender na emissora do mesmo, pois o mesmo tem contrato na Câmara Municipal e da prefeitura de Zé doca, elevo meus pêsames a mensagem esdruxula levada aos lares de minha querida Zé Doca. A verdade é que tenho provas concretas que o contrato é verdadeiro. e mostro in loco.


Matéria exibida por Naã Ramos:

A Prefeitura de Zé Doca, firmou mais um contrato com valor exorbitante no município, mostrando de forma duvidosa a aplicação dos recursos do Município (FPM).

O contrato:

Com valor exorbitante, desta vez foi firmado com a empresa do Deputado que trabalha para o mesmo em seu total controle e bem próprio. 

No contrato:

Publicado no Diário Oficial do Estado desde 10 de fevereiro de 2017, diz que a empresa foi contratada para fazer a execução e prestação de serviços e manutenção de sinal televisivo.

O contrato firmado entre a prefeitura de Zé Doca e a empresa, é no valor de R$ 120.000,00 (cento e vinte mil reais). 

O que mais é Intrigante é que esse valor exorbitante que foi firmado daria para a prefeitura de Zé Doca comprar uma frota de de carros durante o ano inteiro.

Fora o contrato com o valor exorbitante, o que chama mais atenção é que em Zé Doca, segundo informações, tem hoje 27 carros de pequeno porte alugados para o município e todos adesivados. dizem que isso foi feito para pagar contratos fechados em campanha. que diga de passagem, estão com os seus alugueis vencidos. 

Se você for fazer as contas, o número de carros alugados, que são 27, multiplicar com o valor do aluguel, que é de R$ 3.500,00 por mês, e em seguida multiplicar o resultado, com os oito meses de aluguel, daria o total de R$ 94.500,00 em um mês de contrato. 
No caso o valor do contrato é de R$ 120.000,00 mês, e multiplicando por 9 meses de contrato dá um total de 850.500,00 quase um milhão dos cofres públicos.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Topo