Fim do escuro? Prefeitura de Zé Doca gasta milhões em lâmpadas e a cidade continua as escuras


A escuridão está instalada nos quatro cantos de Zé Doca, em razão da falta de iluminação pública, e isso poderia ter fim, ter um desfecho positivo para a população, a maior prejudicada na questão. o caso é que a prefeitura comprou milhões em equipamentos e lâmpadas para iluminar, tanto a cidade como o interior, motivo esse de festas entre vereadores e secretariado tanto nas ruas como em redes sociais e também nas sessões da câmara onde os mesmos se glorificam pelas lampadas imprestáveis depois de trocadas.( vergonha ). em alguns locais na cidade como rua das flores no centro não existe mais lampadas acesas, e os moradores como a igreja assembleia de Deus estão colocando lampadas para que os mesmos possam sair a noite com mais segurança. já a avenida nem se fala, A prefeitura através de seu secretário de meio ambiente mandou funcionários da casa, retirarem as lâmpadas fluorescentes dos postes para trocar por outras lâmpadas de péssima qualidade as chamadas lâmpadas de LED. Ocorre que, as lâmpadas eram fluorescentes e deixavam a cidade bem iluminada, e repreendia mais a ação dos bandidos. sabemos que isso ajuda economizar energia e no bolso do Poder Executivo, os gestores acabam prejudicando a população que desaprova a mudança. a população pensava que teria pela primeira vez uma cidade iluminada, como assim dizia vereadores e secretariado, a cidade não demorou dois meses pois as lampadas estão praticamente todas queimadas.


Claudio lima disse que falta luz na sua rua e a prefeitura tirou lampadas de sódio e trocou por lamparinas, e mais de vinte postes estão sem iluminação na vila do BEC. Segundo Oliveira. No trecho por traz da Igreja Católica até a vila do BEC está muito escuro as lâmpadas já queimaram, na Rua 7 de setembro centro, todos os postes estão com a lâmpadas queimadas. Procuramos a Prefeitura a mesma não nos repassou e não informou quando o serviço deve ser restabelecido. o problema é que quem vai pagar o prejuízo somos nós os moradores de Zé Doca querendo ou não.






Nenhum comentário :

Postar um comentário

Topo