Polícia investiga deputados do Maranhão em casos com prostitutas em Teresina

A Polícia do Piauí está no encalce de alguns deputados maranhenses que vêm sustentando o mercado da prostituição e a prática de rufianismo em Teresina. Dois cafetões conhecidos estão agenciando mulheres para políticos maranhenses, principalmente deputados estaduais.

Teresina virou o point dos empresários, políticos e homens casados bem sucedidos. Eles se deslocam de seu Estado em busca de mulheres que saem de todo o lugar do Brasil para se prostituirem na capital piauiense.

As características das jovens prostitutas são as mais variadas, desde universitárias até meninas desempregadas. Muitas dessas meninas fazem parte do “cast de belas garotas” estão transitando no meio da sociedade, como meninas ricas e metidas a “influenciadoras digitais”, porém, o Instagram para elas serve apenas como uma vitrine para exibir o próprio corpo e atrair clientes.

Eles possuem como integrantes do “cast”, meninas também do Maranhão, estudantes, algumas até de família rica, que fingem ir para o Piauí estudar, porém, vão para fazer programa em uma casa notura de Tersina.

Os deputados escolhem as meninas via WhatsApp, onde os cafetões mandam o famoso “cast de belas garotas”. O mais chocante é que eles vivem cercados de parlamentares ricos e bem sucedidos com bebidas de alto padrão.Imagem Ilustrativa

Recentemente teve um deputado maranhense, sem ser o clone do “Modo Fábio Assunção” que fechou um espaço em Teresina para fazer uma festinha “privê” com direito a orgias e drogas. Inclusive eles fazem o uso de uma chácara para poder levar o grupo de meninas que foram negociadas por intermédio dos cafetões. Até o renomado portal AZ também comenta o assunto.

É triste, mas em Teresina alguns deputados maranhenses são conhecidos como “caça prostitutas”.
Fonte: http://riquinha.com.br
Abaixo os prints de uma modelo piauiense comentando o assunto:









Nenhum comentário :

Postar um comentário

Topo