Senadora Eliziane Gama não paga dívida de campanha e caso vai parar na Justiça

Senadora Eliziane Gama não paga serviços gráficos e caso vai parar na justiça.

A senadora maranhense Eliziane Pereira Gama (PPS) é alvo de mais um escândalo envolvendo o não pagamento de dividas.

Desta vez, segundo apurou o Blog do Maldine Vieira, a senadora não terminou de pagar os serviços gráficos de quando concorreu à prefeitura de São Luís em 2016.

O autor da ação é a gráfica SP – LTDA -ME, localizada na cidade de Teresina-PI.

No Sistema de Divulgação de Candidaturas e Contas Eleitorais, do TSE, a gráfica aparece como principal fornecedor de materiais impressos da campanha de Eliziane naquele ano, somando exatos R$ 311 mil.

Desse total, cerca de R$ 165 mil é cobrado judicialmente.


OUTRO CASO

O deputado Hélio Soares chegou registrar, em 2017, um Boletim de Ocorrência (B.O) contra Eliziane.

Segundo o deputado, o imóvel foi emprestado para a senadora e que ela ficou responsável pelo pagamento das dívidas de IPTU e condomínio. Ocorre que, segundo consta no documento, ela deixou mais de R$ 30 mil em dívidas de condomínio.

Consta ainda no B.O. que Eliziane Gama teria abandonado o apartamento com as dívidas e sem devolver até as chaves do imóvel.


DINHEIRO DO FUNDO PARTIDÁRIO

Candidatos do Partido Popular Socialista do Brasil no Maranhão (PPS) chegaram acusar Eliziane de ficar com todo dinheiro do fundo partidário durante as eleições 2018.

Eles alegaram que não existia transparência com os recursos do Fundo Especial de Financiamento de Campanha e então candidata ao Senado não dava satisfação de nada.

Só para a conta de Gama teriam sido depositados cerca R$ 1,1 milhão, conforme consta na matéria do Bog do Luís Cardoso. (VEJA)









Nenhum comentário :

Postar um comentário

Topo