Mulher mata o marido após reatar relacionamento

Carolaine Sampaio Alves, de 23 anos, é a principal suspeita de ter matado Joelyton Muniz Mendes, de 28 anos, na última terça-feira (29). O caso ocorreu em Parauapebas, sudeste do Pará. Ela ainda não foi localizada e a Polícia Civil está à procura dela. Ela teria confessado o crime a uma tia da vítima. E tudo ocorreu pouco tempo depois de o casal, que tem um filho, ter reatado o relacionamento há menos de um mês e começar a fazer planos de comprar uma casa.

Parte das informações que a Polícia Civil detém até agora são de familiares de Joelyton. Quem tinha um convívio mais próximo com o casal era um irmão da vítima, que relatou ter estranhado o retorno súbito de Carolaine após um ano separados. Até antes da confissão, a mulher teria dito que faria uma viagem a Tailândia e voltaria em cinco ou dez dias. Dias depois, quando foi avisado pela mãe que ela estava preocupada com Joelyton, ele foi à casa do irmão.

Quando chegou à casa, o irmão de Joelyton o encontrou morto, com vários ferimentos de faca. E encontrou a faca que teria sido usada no crime. Várias latinhas de cerveja vazias no local indicavam um consumo exagerado de bebidas alcoólicas e que podem ter levado a uma briga. Acionou a polícia e então foi entendido que a mulher havia ligado para uma tia deles e confessado o crime.

As buscas por Carolaine seguem, para que o crime seja compreendido e ela seja responsabilizada pela morte do companheiro, após todos os fatos serem explicados. Quaisquer informações sobre o paradeiro dela podem e devem ser repassados ao Disque-Denúncia (181). Se a informação for mais urgente, o recomendável é ligar para o Centro Integrado de Operações (190). Não é preciso se identificar e a ligação é gratuita.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Topo