BRANDÃO, BRANDÃO! – A pressa e a pressão são inimigas da perfeição

É sugestivo dizer que o vice-governador Carlos Brandão quer confirmar, de qualquer jeito, que tudo vai muito bem, obrigado, com sua pré-candidatura ao governo do Maranhão. Para ele, o quantitativo é o que interessa, quando o assunto é apoio para seu projeto eleitoral.

Como se sabe, recentemente, em um encontro familiar com os Lagos, Brandão chegou a “criar” um neto para o ex-governador Jackson Lago, que seria mais um de seus apoiadores. Mas na verdade, trata-se de um parentesco distante do saudoso “doutor Lago”. E domingo trazado, o pré-candidato teve seus quinze minutos de fama, como líder em uma “enxertada” pesquisa de intenção de votos para governador, a qual foi anulada pela justiça eleitoral.

Já na terça-feira (15), Carlos Brandão, novamente forçou a barra em seu pronunciamento durante o evento de celebração do centenário do PCdoB. O “vice-versa” garganteou que o presidente da Assembleia Legislativa, Othelino Neto não vai mais deixar a legenda comunista, sugerindo que o deputado vai seguir com ele. o que naom aconteceu.

Na base da pressa e da pressão, Brandão tenta multiplicar seus apoiadores e somar pontos nas pesquisas. Acontece que a conta não bate…

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Topo